Ads Top

Número de casos e mortes por covid reduzem quase 40% na Bahia em julho

Foto: Reprodução



Epidemiologista e secretarias de saúde atribuem melhora ao avanço da vacinação

 

A pandemia da covid-19 está menos agressiva na Bahia. No estado, houve redução de quase 40% no número de óbitos e casos confirmados, no mês de julho, em comparação a junho de 2021. A queda no número de óbitos foi de 39,3% e de 37,3% no número de casos confirmados, segundo levantamento do CORREIO a partir de dados da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab). 

 

O número de casos ativos também reduziu - eram 15.234 no primeiro dia do mês junino contra 6.075 no dia 31 de julho. Ou seja, uma baixa de 60,1%. Os casos graves da doença, que precisam de internamento, reduziram a quase metade. No mesmo período, a Bahia saiu de uma ocupação de 1.365 pessoas em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para 753. A taxa de ocupação de UTI caiu de 84% para 53%. Nesta terça-feira (02), ela ficou em 52%.  

 

Por conta disso, leitos de UTI foram desativados, já que não estão em uso, explica o secretário da saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas. Em todo o estado, 211 leitos de UTI foram fechados, entre junho e julho. São 1.434 leitos de UTI ativos no momento - o máximo tinha sido em 29 de junho, quando esse número estava em 1.644.  

 

“Iniciamos um processo de desativação de alguns leitos, transferindo leitos covid para o atendimento de outras finalidades como cirurgias eletivas e ortotrauma”, informa. Outras estruturas, como a tenda do Hospital do Subúrbio, em Salvador, estão programadas para serem fechadas. Nada impede que elas sejam reativadas. “Vamos acompanhando o número de casos e, se houver necessidade de reabrir, nós iremos reabrir os leitos”, tranquila Vilas-Boas.  

 

FONTE: CORREIO 24 HORAS


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.